Header Ads

Palace mostra superação, porém a sequência negativa continua

O Crystal Palace chegou à 11ª rodada da Premier League amargando indigesta campanha negativa recente: um empate e três derrotas seguidas. Desta vez, as águias foram à Burnley, buscando interromper o retrospecto desfavorável contra a equipe da cidade e tinham motivos para crer que fosse possível, pelo menos era o que indicava o histórico de confrontos entre as duas equipes na Premier League. 

Em dois jogos pela a primeira divisão inglesa, o time londrino ganhou um em Selhurst Park e empatou o outro em Turf Moor na casa do adversário, o mesmo palco do confronto da tarde deste sábado (05), as duas equipes chegaram para a partida com 11 pontos. Mais uma vez jogando todo de laranja, as águias foram a campos escalados por Alan Pardew com: Mandanda, Ward, Dann (capitão), Delaney, Kelly (Fryers, 14' 2ºT), McArthur (Ledley, 43' 2ºT), Cabaye, Townsend, Puncheon (Wickham, 14' 2ºT), Zaha e Benteke.

Mais uma vez Palce leva gols e é punido no acréscimos do 2º tempo.
Reprodução/Twitter oficial do Burnley.
O jogo mal começou e os visitantes já iam ao ataque, conseguindo um escanteio. Porém, no contra-ataque, o Burnley chegou meteoricamente ao primeiro gol com Vokes, quando eram jogados apenas 1'20''. Vokes se torna o artilheiro dos gols relâmpagos, marcou a 1'37'' contra o Liverpool. 

Após o gol, o Crystal Palace ficou mais com a bola, mas a falta de construção e organização nas jogadas era evidente, a bola longa era a única alternativa. Ao Burnley, por sua vez, a partida se oferecia bastante cômoda, podendo assim apostar nos contra-ataques. Mais uma vez se aproveitando da má eficiência nas finalizações das águias, chegaram ao segundo gol com Gudmundsson, Mandanda ainda defendeu parcialmente antes da bola entrar no gol. 

O panorama não se alterou com mais um gol dos donos da casa, com o Palace tendo mais a bola, mas sem efetividade e quase sempre na bola parada. Ward lateral-direito titular foi deslocado para a esquerda e quem jogou na direita foi Kelly, também lateral direito e reserva de Ward, que era quem vinha jogando na esquerda na ausência de Souarè. Benteke até tentou mudar a situação do tempo inicial em duas oportunidades. Não teve jeito a primeira etapa ficou mesmo 2 a 0 Burnley.

Na volta do intervalo, os azuis e vermelhos voltaram dispostos a reverterem a vantagem construída pelos anfitriões, porém quem chegou com mais perigo e maior intensidade foi o Burnley, principalmente através dos pés de Sam Volkes. Entretanto, a história do jogo começou a mudar aos 14', quando Fryers e Wickham entraram nos lugares de Kelly e Puncheon, respectivamente. Poucos instantes depois, o segundo completou cruzamento de Zaha vindo da direita, diminuindo o marcador. 

Townsend participou da jogada do gol de empate da águias.
Reprodução/Twitter oficial do Crystal Palace.
O gol mudou a dinâmica da partida, que se tornou mais intensa, brigada e indefinida. O jogo ficou aberto com chances para as duas equipes e o Palace buscava mais profundamente o ataque. E de tanto insistir com suas possibilidades. Após rápida escapada pela esquerda, Townsend chegou na ponta e cruzou a bola em direção a área, na trajetória houve um desvio no braço de Lowton. Benteke acabou com sua sequência negativa pessoal em cobranças de pênaltis, marcou e empatou o confronto. 

Com o empate as águias vislumbraram a virada e tentaram concretizá-la nos instantes finais de partida, até o Burnley castigar a ofensividade tardia do Palace com mais um contra ataque veloz, Barnes completou o cruzamento e pôs números finais ao encontro: 3 a 2 Burnley.   

Dessa forma, a sequência adversa se mantêm, são quatro derrotas seguidas agora e cinco jogos sem vitórias. O Crystal Palace fica com 11 pontos (3V - 2E - 6D) e agora em 15ª lugar na classificação de momento, apenas à 4 pontos da zona do descenso.

Próxima partida do Crystal Palace pela Premier League:19 de Novembro - 15h00min (hora Brasília) - Selhurst Park.
Crystal Palace x Manchester City.

Por: @carlosjr92educa
Carlos Alberto de Sousa Júnior - Colunista do Crystal Palace

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.