Header Ads

Em sua despedida diante da torcida em 2016, Vila Nova só empata com o Paysandu

Na tarde do último sábado (19), o Vila Nova recebeu a equipe do Paysandu no Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia onde ficaram no empate de 2x2 com gols de Leandro Cearense e Celsinho para o Paysandu, e Vandinho e Victor Bolt para o Tigrão. 

Jogo sem pretensão nenhuma os jogadores optaram por não se concentrar para a partida devido o atraso de salários, o clube teve uma semana conturbada. E na partida desse sábado o técnico Guilherme Alves que cumpre suspensão é não comanda mais o Vila Nova se envolveu em uma confusão com um conselheiro do clube. O treinador deu entrevista polêmicas durante a semana, parece que isso não agradou nenhum pouco. E preciso respeitar um pouco mais a instituição Vila Nova Futebol Clube e sua torcida, isso é preciso ter fim.


Em sua despedida do OBA em 2016, Tigrão desperdiça boas oportunidades e vê vitória escapar nos minutos finais. Foto: Vila Nova Futebol Clube.
Um jogo que tinha tudo para ser apenas um amistoso entre as duas equipes, determinação não faltou o Vila tentou mais não conseguiu vencer. O Vila com Moisés chegou a perder oportunidades incríveis, no inicio da partida o Vila ameaçava mais, porém não chegou a criar boas chances de gol. O Tigre só teve a iniciativa do jogo aos 24' do primeiro tempo quando Aloísio cruzou na medida para Moisés, o atacante desperdiçou a oportunidade cabeceando para fora. 

E aos 31'  foi a vez de Aloísio desperdiçar, o meia recebeu e avançou até a área e chutou forte a bola parou na trave esquerda do arqueiro Marcão. Nos minutos finais da primeira etapa, Bolt roubou a bola no ataque, deixou dois marcadores para trás e cruzou para o Profeta que saiu livre na grande área que de peito finalizou por cima do gol de Marcão já no chão. Outra boa oportunidade do Tigre na partida.

E quem não faz, leva. Aos 34' do primeiro tempo Leandro Cearense que passou pelo Tigre em 2011, aproveitou um belo cruzamento pela esquerda de Tiago Luís e abrir o marcador no OBA,1x0 Papão. Vila voltou para o segundo tempo com Vandinho e Matheus Anderson, e foi dos pés dos atacantes que saiu o gol de empate.

Atento na partida, Matheus Anderson recebeu e viu o centroavante livre na direita e tocou para Vandinho que as 15' da etapa final empatou para o Vila Nova, 1x1. Tigrão foi para cima pressionando o adversário a virada viria em questão de minutos. 


Victor Bolt que também se despediu da torcida, comemora gol com os companheiros. Foto: Douglas Monteiro / Vila Nova Futebol Clube.
Aos 32' o meia Aloísio foi derrubado na área e o árbitro não pensou duas vezes, apontou para o meio da área, pênalti para o Vila Nova. Idolatrado pela torcida, Victor Bolt tomou a responsabilidade para ele, pegou a bola para a cobrança. Marcão defendeu, e no rebote, Bolt não desperdiçou e virou para o Tigre, 2x1 Vila.

A partida que já se encaminhava para o fim, é em uma bobeira da zaga Vilnovense, o time do Paysandy chegou ao empate aos 40'. Celsinho livre encostou de cabeça deixando tudo igual no Onésio Brasileiro Alvarenga. 

Com o empate o Vila Nova somou 53 pontos, permanecendo na 10° colocação na tabela. É na última rodada o Tigre enfrenta a equipe do Joinville fora de casa. A equipe de Santa Catarina luta contra o rebaixamento, e precisa vencer para se livrar da Série C 2107.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.