Header Ads

Agora, a diferença é só de um ponto

Comemoração do gol marcado por André Silva  [Fonte: Site oficial do FC Porto]
O Futebol Clube do Porto visitou o Estoril Praia e venceu o jogo por 2x1. Mas, a ida à Praia foi bastante difícil, tanto que o primeiro gol só saiu aos 37 minutos do segundo tempo com André Silva cobrando pênalti, Corona fez um belo gol aos 45’ da etapa final e por fim, o time mandante diminuiu já nos acréscimos. Os Dragões contaram com a derrota do Benfica para o Vitória de Setúbal e estão a somente um ponto dos encarnados, os líderes da liga.

Com o triunfo, os Tripeiros está há 16 jogos sem perder na Liga NOS. São sete vitórias nos últimos oito jogos. Maxi Pereira e André André foram as novidades nos onze do Porto que tomou conta do jogo desde o apito inicial. Mas, sentiu falta do time mais ofensivo, como vinha atuando, e só finalizou três vezes na primeira parte do jogo.

Numa primeira parte bastante chata, a melhor coisa que aconteceu foi a volta de Brahimi ao Porto. O atacante estava defendendo a Argélia na Copa das Nações Africanas.  Aos 36’, Nuno Espírito Santo optou por substituir Diogo Jota pelo argelino, com isso, André Silva foi atuar na zona centra do campo.  Na segunda etapa, o Futebol Clube do Porto melhorou. Mas, a entrada de Rui Pedro no lugar de Óliver Torres deu mais agressividade aos Dragões.

O jovem português criou duas boas chances e sofreu um pênalti não assinalado pela arbitragem. O jogo caminhava para o final e parecia que o Porto mais uma vez iria empatar fora de casa e sem gols. Os atletas que entraram – além do Rui Pedro e Brahimi, Corona também ingressou- e fizeram muito bem aos Tripeiros, o argelino lançou André Silva que foi derrubado na área. O artilheiro portista cobrou e converteu mais uma penalidade na competição: 1x0.

No fim, Jesus Corona tratou de fazer um golaço e concretizar a vitória portista sobre o Estoril. Mas, os mandantes não se entregaram e diminuíram o placar do jogo com Dankler, mas o vencedor da rodada era mesmo o Porto, que levou os três pontos na bagagem e viu o Vitória de Setúbal aprontar para cima do Benfica e fez com que a diferença do líder para o segundo colocado caísse para um ponto.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.