Header Ads

Classificado, mas preocupado

Fala, Turma da Fuzarca!

Não dá mais. Chega!

Apesar da vitória e da classificação do Vasco, ontem, contra o Vila Nova por dois a um, em Goiânia, o torcedor Cruzmaltino vive anos pavorosos e teme por mais uma frustração.

Foto: Terra Esportes
Não estou sendo pessimista, apenas estou expondo a mais dura verdade: Caso o Cristóvão não saia, não teremos muitas felicidades neste ano.

Qual a função do treinador? Treinar. Pois bem, já são dois meses de trabalho e não vimos nada. Cristóvão tentou dois meias como volantes, mesmo sem saberem marcar. Não deu certo.

O mais recente foi Wagner, que pode ter lugar no time, porém não no lugar do Guilherme. Cristóvão tentou, errou de novo.

E a alteração? Sempre a mesma. Escudero! Não importa quem saia, já sabemos quem entrará. É o novo Jorge Henrique, o famoso jogador “versátil”.

Se você estiver achando que estou sendo pesado demais, veja o histórico de Cristóvão: Seis grandes clubes e nenhuma passagem gloriosa. Ou seja, sem capacidade de treinar uma equipe do porte do Vasco.
 
Sem padronização, sem tática, sem comando, sem bola, sem futebol.
 
Na próxima fase, o Vasco vai encarar o Vitória, sendo o primeiro jogo em São Januário e o segundo no Barradão.

Abcs, Galera,

Matheus Freitas  @_MFreitas9_ 
Linha de Fundo   @sitelf

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.