Header Ads

Leão goleia Atlético e se classifica na Copa Verde

O Leão jogou anteontem contra o Atlético-AC, em Belém, em busca da classificação para as quartas de final da Copa Verde. Os clubes voltaram de um placar de 1 a 1 da Arena da Floresta e, devido ao gol fora de casa, acreditava-se que os azulinos iriam jogar pelo empate, porém Josué apostou forte no ataque.

A equipe da casa entrou com algumas alterações em relação ao jogo anterior: Jayme entrou como titular, André Luís (cortado na ida por conta de problemas de saúde) estava na responsabilidade do gol azulino e Edgar foi escalado para o banco. Tais mudanças causaram incerteza no Fenômeno Azul, porém, assim que bola rolou todos se surpreenderam com a atuação remista.

Foto: Tarso Sarraf / O Liberal
Logo quando o árbitro apitou o Remo já começou a pressionar o Atlético e logo fez a primeira finalização. Logo aos 7` Flamel fez uma bela jogada pela direita e cruzou para Nano, porém o camisa 9 desperdiçou. Os mandantes continuaram a pressionar no ataque, destacando-se na equipe Eduardo Ramos e Jayme, que armavam a maioria das jogadas e apresentavam maior perigo diante a zaga atleticana. Aos 17 minutos algo inesperado aconteceu: Nano caiu na área adversária e teve que sair de campo, sendo substituído por Edgar.

A partir dos 25 minutos as coisas mudaram, e o Galo passou a pressionar mais, marcar melhor, e consequentemente estava dando muito pouco espaço para os remistas chegarem ao ataque. O Leão, que antes dominava a partida, encontrava-se acuado no campo de defesa, fazendo de tudo para não sofrer gols, e a maioria das chances do Atlético que não se converteram em gols foram graças às defesas de Andre Luis.

No segundo tempo ambos os times entraram com posturas diferentes, porém o Remo voltou a dominar a partida, e logo aos 4 minutos Henrique marcou de cabeça para o Leão, fazendo 1 a 0 no Mangueirão. O ritmo azulino permaneceu agressivo, e apenas 11 minutos após o primeiro gol Tsunami marcou o segundo. A partir desse ponto o Atlético passou a ficar desanimado, e não demorou muito para a goleada de fato acontecer. Aos 35' saiu o terceiro gol, e aos 44' o quarto, fechando assim o placar em 4 a 0.

Foto: Tarso Sarraf / O Liberal
Em entrevista Josué declarou: "Gostei. No momento, estamos tendo tempo de treinamento muito curto, pouca sequência de trabalho e a resposta foi positiva. Flamel ajudou bastante. Eduardo Ramos carregou bem a bola, que é característica dele. Elizeu, pena que sentiu. Marquinhos fez novamente um grande jogo. Estou satisfeito com o grupo que tenho. Os garotos estão entrando e mostrando qualidade. Jayme, muita gente não acreditava mais nele, mas vejo muita qualidade e, além disso, muito espírito aguerrido, de grupo. A presença do Jayme foi muito importante. Fez uma grande leitura de jogo. (...) Quero repetir a mesma escalação no próximo jogo, mas não teremos o Tsunami, que está suspenso. É mais uma questão a resolver. Edgar não vai jogar, mas antes de pensar em quem vai substituir o Edgar, tenho que recompor a minha linha defensiva e vamos trabalhar isso no sábado (18/03). Muito falam que o Remo tem tomado muitos sustos, mas esquecem de ver que jogamos os últimos quatro jogos com zagas diferentes. Não era essa a nossa intenção, mas são coisas que acontecem".

O Remo voltará a jogar pela CV contra o vencedor do duelo entre Fast-AM e Santos-AP, que acontecerá dia 19/03. Apenas após o termino da 1ª fase serão decididas as datas dos confrontos pelas quartas. Porém o foco agora é outro, pois os azulinos voltam a jogar já neste domingo, contra o São Raimundo pelo Parazão.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.