Header Ads

Sampaio perde para o River, em Teresina, e está eliminado no Nordestão

River e Sampaio Corrêa se enfrentaram na noite deste sábado (11), às 18h15, no Estádio Lindolfo Monteiro, em Teresina (PI), pela 5ª rodada do Grupo A da Copa do Nordeste. A derrota por 1 a 0 eliminou todas as chances de classificação para a Bolívia Querida, que possui apenas três pontos e uma vitória.

O técnico Francisco Diá promoveu a estreia de Roniery na lateral direita, após as dispensas dos laterais direitos Artur e Zé Leandro, além do volante Cloves, do lateral esquerdo Zadda, do goleiro Paulo Rafael e do atacante Carlos Alberto. Renan Dutra também estreou na zaga.

Sampaio perde para o River no Lindolfo Monteiro (Foto: Stephanie Pacheco)
O jogo

O River iniciou o jogo de forma ávida. Logo aos 4 minutos, Rodrigo Tiuí recebeu uma bola enfiada na área pela esquerda e, cara a cara com o goleiro Jean, chutou por cima do gol.

O primeiro tempo só voltou a ter emoção nos acréscimos, quando o árbitro anulou corretamente um gol do Sampaio. Esquerdinha cobrou escanteio de forma fechada, o goleiro Leandro passou da bola e Otávio, na segunda trave, tocou com o braço para o gol. Inicialmente, o árbitro e o assistente validaram o gol, mas o quarto árbitro interferiu e anulou a jogada.

O segundo tempo mal começou e logo no primeiro minuto o River abriu o placar. A bola foi lançada ao ataque pelo goleiro Leandro. Roniery, que fez um bom primeiro tempo, tentou recuar de cabeça para Jean, mas a bola acabou sobrando para o atacante Tety, que dominou e com um único drible deslocou Valderrama e o goleiro Jean e finalizou para o gol aberto.

Aos 39 minutos, o Sampaio perdeu uma ótima oportunidade para empatar a partida. Hiltinho cobrou falta rápida na entrada da área e tocou para Henrique, que se desvencilhou do marcador, mas chutou mal de direita em cima do goleiro.

O que parecia ser um jogo movimentado acabou ficando morno, sem criatividade das duas equipes. O gramado irregular, que mais parecia um pasto, também não contribuiu para apresentar um bom futebol. Os dois times finalizaram pouquíssimas vezes. Do ponto de vista técnico, foi uma partida fraquíssima, com mais uma péssima atuação do Tricolor Maranhense, que não conduziu produzir quase nada que representasse perigo ao time riverino.

Próximo confronto

O Sampaio agora "muda a chave" para a Copa do Brasil, na qual enfrentará o Internacional (RS), no jogo de volta, no Beira-Rio, em Porto Alegre (RS), às 21h45. É uma missão quase impossível, pois no jogo de ida, o time maranhense foi goleado por 4 a 1, no Castelão.

FICHA DO JOGO:
RIVER (PI) 1 X 0 SAMPAIO CORRÊA

Local: Estádio Lindolfo Monteiro, Teresina (PI)
Data: 11 de março de 2017, sábado
Hora: 18h15 (horário de Brasília)
Árbitro: Leo Holanda (CE)
Gol: Tety, 1’ 2ºT
Cartões amarelos: Emerson, Leandro, Viola e Juninho Paraíba (River); Cleitinho, Otávio e Esquerdinha (Sampaio)

River: Leandro; Rossales, Gustavo Eugênio, Brissuela e Wesley; Amorim (Emerson), Humberto e Juninho Paraíba; Tety (Negueba), Rodrigo Tiuí (André Luís) e Viola. Técnico: Eduardo Húngaro.

Sampaio Corrêa: Jean; Roniery, Breno, Renan Dutra e Esquerdinha; Otávio (Henrique), Valderrama, Daniel Barros, Cleitinho (Wesley) e Hiltinho; Giovani (Guilherme). Técnico: Francisco Diá.

Marcos Fernandes || Twitter: @poetafernandes
Linha de Fundo || @SiteLF

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.