Header Ads

Chegou a hora de ir pro estádio

É amanhã, chegou a hora tão esperada pela torcida esmeraldina; a continuação da saga na Copa do Brasil tem mais um capítulo diante de um dos times do eixo Rio-SP, o Fluminense. O Goiás terá a volta de Léo Gamalho e Tiago Luís e vai com força total para a partida, a imprensa goiana está promovendo uma imensa divulgação do jogo, convocando você torcedor a ir às arquibancadas do Serra Dourada, me senti na obrigação de fazer o mesmo. E para isso, montei um guia completo da situação dos dois times.

Goiás tem seus dois confrontos mais importantes do ano contra o
Fluminense durante as próximas semanas. Foto: Goiás Esporte Clube
---> Reforços que chegam em hora crucial

Sim, ele está de volta. Léo Gamalho já treinou com bola na última terça-feira (11) com time titular, assim como ele, Tiago Luís está de volta com toda sua qualidade aos 11 iniciais. O que muda? Muita coisa, muita coisa mesmo!

Léo Gamalho mesmo ficando fora de cinco jogos (Anápolis, CRAC, Vila Nova, Iporá e Itumbiara) ainda é o 3º artilheiro do Brasil, com 11 gols, a presença de área dele é vital ao Goiás ainda mais que o maior ponto fraco do Fluminense é o mais forte do nosso artilheiro, explicarei depois.

Tiago Luís tem excelentes números pela camisa esmeraldina, suas cobranças de faltas podem fazer a diferença na hora de levar o placar para o Rio de Janeiro.

---> Provável estreia de nova contratação

Michael, destaque do Campeonato Goiano, já treina nas instalações esmeraldinas e até foi testado com a equipe titular, gerando grande agrado a quem viu os treinos. A diretoria esmeraldina correu contra o tempo e conseguiu regularizar o jogador, ele apareceu no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF às 11 horas da manhã de hoje, Michael poderá sim enfrentar e dar muito trabalho a defesa carioca, que é nosso próximo assunto.

Michael já treina com a camisa do Goiás, falta a regularização. Foto: Thiago Menezes
---> Conheça nosso adversário

Poderíamos ter adversários piores pelo caminho? Talvez, mas o Fluminense é sim um time para se tomar muito cuidado, observando os últimos jogos do tricolor carioca, pude anotar cada destaque e cada defeito, e venho repassar para vocês quem pode surpreender e estragar nossa noite no Serra Dourada.

- Se analisarmos a defesa do Fluminense além de Cavalieri encontramos dois bons laterais, LUCAS e LÉO que tem boa profundidade, mas na hora da marcação, o lateral esquerdo Lucas tem seus defeitos e costuma levar "bola nas costas". Além disso, temos os zagueiros HENRIQUE e RENATO CHAVES, Renato é o ponto fraco da zaga carioca, tem alto número de cartões para um zagueiro e não marca bem a bola aérea, já Henrique jogou em um grande clube da Europa (Napoli) e por baixo tem qualidade e ótima técnica em desarmes, porém assim como Renato Chaves, Henrique não é bom na bola aérea deixando bem claro que esta será a maior arma do Goiás, e com Léo Gamalho em campo, não podia ser melhor.

- Do meio pra frente, Abel Braga tem o melhor ataque entre os times da Série A em 2017. Temos vários jogadores pra destacar, o garoto WENDEL, com o estilo de jogo parecido com o de Léo Sena, mas possui mais técnica que o meia esmeraldino.

Além dele temos a dupla de gringos JEFFERSON OREJUELA e JÚNIOR SORNOZA, os dois meio-campos vieram do vice-campeão da Libertadores Independente del Valle e constantemente são convocado para suas seleções, Orejuela tem como forte o desarme, já Sornoza merece atenção especial, com a lesão de Gustavo Scarpa o meia equatoriano se destaca em todas suas últimas partidas, armando o jogo e com chutes venenosos de média-longa distância.

- O Fluminense joga em 4-3-3, e o seu tridente de atacantes merece destaque. WELLINGTON é o mais perigoso dos três, tem bom drible, é muito rápido e se torna o pesadelo de qualquer lateral esquerdo do Brasil. HENRIQUE DOURADO já tem 10 gols em 15 jogos este ano, e é um centroavante clássico, se tiver a chance não pensará duas vezes para balançar nossas redes. E por último, mas não menos importante, servindo as seleções de base do Brasil e oriundo do América Mineiro temos o jovem RICHARLISON, que podia muito bem ensinar Carlos Eduardo a fazer gols.

---> 11 INICIAIS DE GOIÁS X FLUMINENSE

GOIÁS: Rangel, Hélder (Tony*), Everton Sena, Fábio Sanches, Patrick, Pedro Bambu, Bolt, Léo Sena, Tiago Luis, Léo Gamalho e Aylon (Michael* ou Carlos Eduardo*).

* Todos os jogadores em parenteses podem tanto como começarem na titularidade, como estrearem no segundo tempo, no caso de Michael e Tony.

FLUMINENSE: Cavalieri, Lucas, Renato Chaves, Henrique, Léo, Orejuela, Wendel, Sornoza, Wellington, Richarlison, Henrique Dourado.

--> Está na hora de acreditar

O time esmeraldino vive uma crise desde a saída de Gilson Kleina, isso é um fato indiscutível. Mas se não dermos o apoio necessário agora, com certeza a equipe não encontrará forças suficientes para seguir adiante na Copa do Brasil. Está na hora de marcamos nossa presença no Serra Dourada, cantarmos 90 minutos e apoiarmos nossa equipe mesmo ela não estando digna de tal motivação, esqueça tudo que se passou nesta temporada e venha acreditar na classificação, a Força Jovem em parceria com a imprensa goiana estará distribuindo 20 mil balões para fazermos a festa, não esqueça de baixar um aplicativo de lanterna e colocar pra piscar na entrada dos jogadores! Torcedor, está na hora de acreditar!!

VEM PRO SERRA ESMERALDINO!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.