Header Ads

Cinco jogos sem perder, será que empolga?

Após o jogo do domingo (02) contra a equipe do Santa Rita no Estádio Rei Pelé, o CRB chegou pela terceira vez na temporada a marca de cinco jogos sem perder. Por um lado, parece ser preocupante o fato de todas às vezes quando chega ao quinto jogo sem vencer, o jogo seguinte acaba sendo derrotado. Assim aconteceu contra Altos e CSA. Mas é importante atingir essas metas e ainda mais repeti-las.

Foto: TNH1
No Campeonato Alagoano, o Regatas é a equipe que hoje está há mais tempo sem ser derrotada. São em sequência, exatas oito partidas sem qualquer derrota, sendo uma das defesas mais sólidas e um dos ataques mais fortes da competição. Na partida contra o Santa Rita no Estádio Rei Pelé, Elias fez seu quinto gol no estadual, sendo o quarto de pênalti. E Maílson, por sua vez, também chegou ao quinto gol na competição, sendo o terceiro frente à equipe de Boca da Mata.

A defesa Regatiana na segunda fase, em momento está inferior em relação à fase anterior. Nos dois primeiros jogos, três gols sofridos, entre estes, saída errada de goleiro e falha de marcação amedronta o treinador Léo Condé.

Preparação para o clássico

O Galo terá todo o elenco à disposição. Juliano, Flávio Boaventura e o capitão Gabriel voltam a fazer parte dos relacionados após suspensão cumprida na última rodada contra a equipe de Boca da Mata. O time titular pode ser o mesmo da maioria das últimas partidas realizadas este ano com: Juliano; Marcos Martins, Gabriel, Boaventura e Diego; Adriano, Yuri, Chico e Danilo Pires; Maílson e Elias.
Alguns atletas mantem uma titularidade contestável, caso do volante Yuri, do meia Danilo Pires e principalmente do atacante Elias.

Os números andam caindo

No ano de 1994, houve dez partidas entre as equipes no campeonato estadual. Bem equilibrado, foram três vitórias para cada e quatro empates. Mas as estatísticas para o CRB foram melhorando ao passar do tempo. No ano seguinte, por exemplo, nos cinco primeiros clássicos disputados, o Regatas venceu os cinco. Mas nas outras cinco partidas que sucederam, mais uma vitória para o Galo e as outras quatro terminaram empatadas. Ainda sobre este ano, os números favoreceram bastante o CRB. Dos 15 jogos disputados, apenas uma derrota e oito vitórias conquistadas.

De 2002 a 2015, o CSA conquistou em média no máximo uma vitória por ano. Claro que houveram duas temporadas em que as equipes não se enfrentaram. Neste espaço de 13 anos, foram 30 jogos e somente cinco vitórias da equipe Maruja e quinze da equipe Praiana.

Mas na atual década (2011-) houveram 21 partidas, e nestas, apenas 10 vitórias do CRB e 5 do CSA. A diferença ainda é considerável se levarmos em conta a diferença geral de vitórias entre as equipes. Nos últimos 10 jogos, por exemplo, a diferença começa cair. São quatro vitórias do Regatas e três do Azulão do Mutange.

Números gerais

Últimos 100 jogos:
100 jogos
42 vitórias do CRB
32 empates
26 vitórias do CSA

Total:
510 jogos
193 vitórias do CRB
153 vitórias do CSA
164 empates

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.