Header Ads

Heat perde, mas se mantém na oitava colocação do Leste

O Miami Heat entrou na partida deste domingo (02) precisando vencer do Denver Nuggets, em casa, para chegar à sétima posição do Leste novamente. O time ainda não contava com Dion Waiters, que sofre com uma lesão no tornozelo esquerdo e permanece sem data para retornar.

O primeiro quarto teve uma dominância da equipe do Colorado e com muitas faltas para o Heat, em sua maioria em cima de Nikola Jokic, surpresa da temporada e candidato ao prêmio de "Most Improved Palyer", ou seja, o jogador que mais evoluiu. O segundo quarto começou com um placar de 37-30 para os Nuggets e logo mostrou que Miami tinha condições para virar, mas o time relaxou e acabou indo para o intervalo perdendo por 68-58, se tornando o maior número de pontos que o Heat tomou antes do intervalo na temporada, superando a marca de 66 pontos cedidos para o Brooklyn Nets em 25 de Janeiro de 2017.

Tyler Johnson sobe para a bandeja sobre Wilson Chandler (Foto: Heat Nation)
O terceiro quarto foi marcado por uma defesa agressiva da equipe da Flórida e chances no ataque, chegando a colocar um ponto de frente no placar, a maior diferença que o Heat conseguiu ter a seu favor durante o jogo. Mesmo assim, Denver conseguiu achar uma resposta e foi para o último período vencendo por 93-87. O jogo continuou pegado até o final, com os times alternando bons momentos e um Danilo Gallinari inspirado para a equipe visitante, anotando 29 pontos no jogo e um Josh Richardson anotando 3-4 em bolas de três pontos no quarto pela equipe da casa. O jogo foi decidido após o único erro de J-Rich em bola de três no período.

No final, o Miami Heat perdeu por apenas três pontos para os Nuggets, com o placar final sendo 109-106, e estão 3-5 em jogos sem seu ala-armador principal, que não joga na quarta-feira contra o Charlotte Hornets.

Josh Richardson lamenta após errar a bola de 3 que levaria o jogo à prorrogação (Foto: Miami Herald)
Goran Dragic- 22 pontos, 6 assistências
Josh Richardson- 17 pontos (4-6 em 3 pontos), 3 tocos
Hassan Whiteside- 16 pontos, 12 rebotes, 3 tocos
Tyler Johnson- 15 pontos, 5 assistências
Rodney McGruder- 11 pontos, 6 rebotes, 4 assistências

GO HEAT

Gabriel Barros

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.