Header Ads

Ceará 3 x 0 Oeste: Uma vitória para ninguém colocar defeito

Na estreia de Marcelo Chamusca Ceará bateu o Oeste no Estádio Presidente Vargas. Os gols da partida foram marcados na etapa inicial por Valdo, Pedro Ken e Rafael Carioca.

Voltamos a vencer e a convencer, o torcedor alvinegro está aliviado e empolgado após uma excelente apresentação do time. Facilmente o Ceará conseguiu abrir 3 a 0 e o placar não foi mais dilatado graças a algumas defesas do goleiro adversário na segunda etapa.

Ceará volta a vencer na série b. FOTO: Lucas Moraes/cearasc
O primeiro tempo parecia um sonho, um time com vontade e disposto a retomar o caminho das vitórias. Logo aos 17 minutos Rafael Carioca acertou o travessão e deu o recado que o gol estava próximo e assim foi, um minuto depois de cobrança de escanteio Valdo pegou bonito e fez 1 a 0.

Com mais ímpeto ofensivo o Vozão continuou no setor ofensivo, aos 22’ Pedro Ken aproveitou o cruzamento de Raul e cabeceou no contra pé do goleiro. O Oeste não chegava ao ataque e o Ceará seguiu sendo senhor da partida e no final do 1° tempo Rafael Carioca fez um golaço e deixou a fatura praticamente liquidada.

Na segunda etapa continuamos bem e criando oportunidades, Magno Alves teve chance de acabar com a sua seca de gols (12 jogos sem marcar), mas parou no goleiro Rodolfo. Chamusca aproveitou para promover a estreia do meia-atacante Cafu e na base da velocidade ele conseguiu criar algumas jogadas agradar o torcedor. No final a vantagem que já era grande ficou ainda maior quando Erick Luis foi expulso por fazer falta dura em Rafael Carioca.

Uma vitoria maiúscula, para ninguém colocar defeito, conseguimos ser mais time do primeiro ao último minuto. Um time com vontade, garra e que não teve medo de impor o ritmo de jogo dentro da sua casa.

Um time com vontade de vencer. FOTO: Lucas Moraes /cearasc 
Fizemos hoje o que deveríamos ter feito contra o Santa Cruz, matar o jogo no primeiro tempo. As chances de gols não foram tantas como diante o Santa, mas o aproveitamento foi absurdamente maior.

Ricardinho dita o ritmo do meio-campo, um verdadeiro maestro que sabe fazer a bola rodar e deixar seus companheiros de cara com o gol. Nessa partida ele jogou bem os 90 minutos, não sentiu falta de ritmo tanto que aos 38 minutos estava correndo muito.

Méritos para Marcelo Chamusca, sei que é cedo para falar do trabalho dele a frente do Ceará, mas ele já demonstrou que entende e conhece o elenco. Um time encaixado, que soube ser taticamente perfeito e ter mais mobilidade no seu meio campo, bem diferente da forma engessada que o time vinha atuando.

A estreia de Chamusca foi aprovada. FOTO: Vladimir Marques/Diário do Nordeste 
Rafael Carioca vem calando a boca de muita gente, nos últimos cinco jogos foram três gols marcados (sendo dois golaços). Cabe a Chamusca utilizá-lo da melhor forma possível para continuar ajudando ao Ceará.

Próximos jogos

Agora é uma sequência difícil de dois jogos fora de casa, no próximo sábado o Ceará enfrenta o Paraná às 16h30min na Vila Capamema e depois o Figueirense no Orlando Scarpelli.

FICHA TÉCNICA

CEARÁ 3 X 0 OESTE

CEA: Everson, Cametá, Rafael Pereira, Valdo, Rafael Carioca (Pio), Raul, Richardson, Pedro Ken (Rafinha), Ricardinho, Roberto (Cafu) e Magno Alves. T: Marcelo Chamusca

OES: Rodolfo, Willian Cordeiro, Joílson, Leandro Amaro, Ricardinho (Velicka), Betinho, Lidio, Danielzinho (Raphael Luz), Júlio César (Erick Luís), Mazinho e Alexandro. T: Roberto Cavalo

CARTÕES AMARELOS: CEA: Não houve / OES: Leandro Amaro, Lidio, Júlio César e Erick Luís.
CARTÕES VERMELHOS: OES: Erick Luís
GOLS: Valdo (18 1’T); Pedro Ken (22 1’T) e Rafael Carioca (42 1’T).

Davi Maia | @davims

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.