Header Ads

Ceará 0 x 2 Internacional: Até tu defesa?

Ceará erra defensivamente e perde para o Internacional na Arena Castelão. Os gols da partida foram marcados por William Pottker e Nico López.

Não foi uma noite feliz para a defesa alvinegra, em duas falhas o time colorado aproveitou e marcou dois gols que sacramentaram o resultado para o time gaúcho.

Ceará erra na defesa e perde para o Internacional em casa. FOTO: Ricardo Duarte/ Divulgação Inter 
1° Tempo: Internacional e seu ataque fatal

Com uma proposta de pressionar o adversário o vovô até iniciou bem a partida, mas não conseguia chegar à meta de Danilo Fernandes. Aos 11 minutos Edenilson entrou sozinho pela lateral e serviu William Pottker que teve apenas o trabalho de empurrar para as redes. Após o gol a pressão colorada continuou e aos 19 minutos Everson conseguiu fazer dois milagres, mas não conseguiu segurar o belo chute de Nico López. Após o banho de água fria nas pretensões alvinegra, o Inter quase marcou o seu terceiro gol quando William Pottker carimbou o travessão.

O alvinegro chegou com perigo pela primeira vez somente aos 38 minutos em uma cabeçada de Pedro Ken, ainda deu tempo Rafael Carioca assustar em chute de fora da área.

Pedro Ken teve a melhor chance do 1° tempo para o Ceará. FOTO: Lucas Moraes/ CearáSC
2° Tempo: Três atacantes e nada de gol

Tentando reagir o Ceará encheu o time de atacantes durante a segunda etapa, mas Lelê, Magno Alves e Elton não foram capazes de fazer aquilo que o torcedor tanto queria, os gols. As melhores oportunidades foram com Cafu e Magno Alves, ambos pararam em Danilo Fernandes. O Internacional por sua vez, tinha o contra ataque a disposição e perdeu algumas chances, como aos 28 minutos Cláudio Winck perdeu um gol cara a cara com o goleiro. O final do segundo tempo foi nervoso, o Inter abusou da força excessiva nas faltas e faltou pulso ao árbitro para controlar a partida.

Os erros do Ceará foram no setor que é o mais confiável da equipe, a defesa conseguiu levar um gol oriundo de cobrança de lateral e outro por falta de marcação em rebote.

O setor mais regular da equipe não foi bem diante o Internacional. FOTO: Jornal Opovo
Poderíamos ficar jogando até agora e o Ceará não conseguiria fazer seu gol, é nesses chuveirinhos que servem apenas para consagrar as zagas adversárias e ficar circulando a bola de um lado para o outro que os ataques da equipe vão minando.

Chamusca não errou quando encheu o time de atacantes, ele erra em insistir com Magno Alves, não é dessa partida que o bom velhinho não rende. Essa insistência não está sendo benéfica, nem para o treinador e muito menos para o atacante.

Uma derrota para o Inter com esse elenco não é nada de anormal, o time colorado mostrou o poderio de seu ataque (e que ataque). Qual time da Série B não queria ter um Nico López ou William Pottker em seu elenco?

O ponto triste da noite foi a afirmação que o atacante Elton fez em sua entrevista coletiva. O camisa 99 do Ceará disse ter sofrido racismo do zagueiro Victor Cuesta. O atleta irá estudar junto com o setor jurídico do clube quais ações devem ser realizadas.

Atacante Elton alega ter sofrido racismo de Victor Cuesta. FOTO: Thiago Gadelha/Diário do Nordeste 
Próximo jogo

Outra parada difícil, vem ai o Juventude do nosso ex-treinador Gilmar Dal Pozzo, a partida está marcada para o próximo sábado 15/07 as 19 horas na Arena Castelão.

FICHA TÉCNICA  
CEARÁ 0 X 2 INTERNACIONAL

CEA: Everson, Cametá, Rafael Pereira, Luis Otávio, Rafael Carioca, Raul (Elton), Richardson, Pedro Ken (Lelê), Ricardinho, Roberto (Cafu) e Magno Alves. T: Marcelo Chamusca

INT: Danilo Fernandes, Cláudio Winck, Klaus, Victor Cuesta, Uendell, Rodrigo Dourado, Edenilson, Felipe Gutierrez (Fabinho), D'Alessandro (Juan), William Pottker e Nico López (Diego). T: Guto Ferreira

CARTÕES AMARELOS: CEA: Rafael Pereira e Elton  / INT: Cláudio Winck, Victor Cuesta, Uendell, Edenilson, Felipe Gutierrez e Diego.
GOLS: William Pottker (11 1T) e Nico López (19 1T).

Davi Maia | @davims

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.