Header Ads

Numa pré-temporada murcha, um velho conhecido é a novidade da vez

Nosso novo velho reforço (Foto: Ángel López)
Não vamos tão bem à pré-temporada. Os jogos de dois em dois dias estão demonstrando um desgaste grande e prejudicando a performance do time, mas tenho a calma de encarar essa época inicial da temporada como um sprint necessário pra evolução física e competitiva do time. Não planejo nenhuma tragédia por enquanto, inclusive vejo com bons olhos o espaço pra alguns jovens do Sanse. O fato é que vencer apenas o Elgoibar no primeiro embate e de lá pra cá apenas empatar e perder dá um ar meio murcho e entediante pra nossa pré-temporada.

O time está em Ermelo, após não vencer Bordeaux e Saint-Éttiene em Elgoibar (cidade homônima ao único time que derrotamos) e ter partido para a cidade holandesa e persistirem a falta de vitórias contra o ilegível Genclerbirligi e o Venlo. Neste sábado enfrentaremos o Feyenoord, e sinceramente não estou muito esperançoso por vitória ou uma atuação de gala.

Estamos ganhando ritmo, e o objetivo deve mesmo ser esse. Jovens como Eneko Capilla (destaque), Joseba Muguruza, Ander Guevara, Luca Sangalli e Martín Merquelanz vem ganhando espaço, e Adnan Januzaj mostra alguma esperança em seus primeiros momentos com a camisa.

Estamos alternando as táticas entre o 4-3-3 habitual e também o 4-2-3-1, sendo que o desempenho cai vertiginosamente quando saímos do nosso costume. Xabi Prieto consegue se destacar do restante do time com suas atuações, já o goleiro reserva, Toño Ramírez, finalmente com chances reais de jogo devido a ausência prolongada de Gero Rulli, não passou muita confiança.

David Concha em ação na derrota por 2 a 0 contra o VVV Venlo (Foto: Real Sociedad)

Nessa conjuntura meio tediosa e laboratorial de montagem da equipe, e após a saída de Yuri pro PSG, havia uma clara busca por outro lateral esquerdo que competisse com o jovem Kevin Rodrigues, e acabamos tomando uma solução caseira: Abreviamos o empréstimo de dois anos de Alberto de la Bella com o Olympiakos e o trouxemos de volta como reposição do próprio atleta que tirou seu espaço de vez na última temporada. O nosso antigo titular de 32 anos está de volta e, muito provavelmente, terá um papel de tutor para o jovem Kevin, além, claro de ainda ser uma alternativa competitiva pra posição. Só fico ressabiado por ele ter sido preterido por Eusebio na última temporada e agora voltar como se nada tivesse acontecido. Foi apurado ainda que ele foi uma espécie de plano B de outro antigo jogador que procuramos de volta: José Ángel, que no entanto, apalavrado que estava com o Eibar, não traiu a confiança dos armeros e foi pra Ipurúa.

Até então, essas vem sendo as novidades de nossa pré-temporada, não tão atrativa em campo, menos ainda fora, mas, assim espero, dedicada em preparar nossos atletas fisicamente pros desafios que nos esperam em breve, mais precisamente em menos de um mês, não só na Espanha como também na Europa.

#GORAERREALA

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.