Header Ads

Paysandu 1 x 2 Ceará: Um visitante com cara de mandante

Com gols de Elton e Arthur, Ceará vence o Paysandu em Belém depois 11 anos. Partida marcou o reencontro do treinador Marcelo Chamusca com seu ex-clube.

O Ceará vem sendo um visitante bastante indigesto nessa Série B, mais uma vez fora de seus domínios o vovô conseguiu arrancar mais três pontos e continuar na cola do G4.

Ceará bate o Paysandu no Mangueirao. FOTO: Fernando Torres/Ascom Paysandu 
No primeiro tempo o alvinegro foi mais time, soube rodar a bola e pressionar o papão no seu campo, aos 12 minutos após cruzamento de Ricardinho Elton cabeceou bonito para anotar o gol cearense. Por sua vez o Paysandu tentava correr atrás do prejuízo, mas esbarrava na defesa alvinegra, a melhor chance foi no final do primeiro tempo quando Gualberto cabeceou com perigo.

A segunda etapa teve mais emoção, o Paysandu acordou e quase empatou aos 11 minutos em boa jogada de Rodrigo Andrade, o vovô recuou excessivamente e procurou jogar no erro do adversário. O time bicolor chegou ao empate com Magno, quando Rodrigo o deixou na cara do gol, a pressão continuou e a virada paraense quase veio novamente pelos pés de Rodrigo. Mas Chamusca olhou para o banco e viu o menino que cheira a gol, aos 32 minutos Arthur aproveitou o passe de Romário e literalmente encheu o pé para marcar o gol da vitória.

Arthur é iluminado e mais uma vez foi decisivo. FOTO: Reprodução/SporTV 
Um visitante com cara de mandante, esse é o Ceará na Série B, dos 25 pontos conquistados 14 foram fora de casa, situação bem diferente de anos anteriores. Se em seus domínios o time de Marcelo Chamusca decepciona, longe daqui a história é outra.

O ataque que chamei de incompetente na partida passada hoje tratou de fazer a sua parte, dois gols dos camisas 9 do elenco. Todo o destaque para o "menino que cheira a gol", Arthur vem sendo uns dos nomes desse time por marcar gols com menos oportunidades que seus companheiros.

Já a defesa foi bem, tá certo que o lance do gol do Paysandu poderia ser evitado, mas nada que tire os méritos de nossa retaguarda, principalmente do Luis Otávio o xerifao da zaga.

Lei do ex cumprida com sucesso, Marcelo Chamusca tratou de vencer seu ex time em um momento que começava a ser questionado. Além disso, precisamos ressaltar o resultado do brilhante trabalho do nosso preparador físico Roger Gouveia, ele tá calando os críticos com profissionalismo e acima de tudo com um time voando dentro das quatro linhas.

E o Lima? O garoto que veio da base do Grêmio chegou nessa semana e já teve uma oportunidade, ainda é cedo para fazer uma análise, mas o cartão de visita foi positivo.

Finalmente a novela "Leandro Carvalho vem ou não vem?" teve um fim, o Ceará chegou a um acordo com o empresário do atleta e o atacante ex Paysandu reforça o vovô no restante da temporada.

Por fim, depois de 11 anos o Ceará voltou a vencer jogando no Pará. Até então a nossa última vitória em solo paraense havia acontecido na 20° rodada da Série B em 2006 quando derrotamos o Paysandu por 2 a 1.

Próximo jogo

Em busca da tão sonhada regularidade o Ceará voltará a campo na próxima terça-feira diante o Criciúma às 21h30min na Arena Castelão. Para esse confronto Marcelo Chamusca não contará com Ricardinho (suspenso pelo 3° amarelo), mas terá os retornos de Rafael Pereira e Raul.

FICHA TÉCNICA
PAYSANDU 1 X 2 CEARÁ

PAY: Emerson, Ayrton, Perema, Gualberto, Peri, Renato Augusto, Augusto Recife (Fábio Matos), Rodrigo Andrade (Magno), Rodrigo, Bergson (Anselmo) e Marcão. T: Marquinhos Santos

CEA: Everson, Cametá, Tiago Alves, Luis Otávio, Romário, Richardson, Pedro Ken, Ricardinho (Lima), Roberto (Cafu), Lelê e Elton (Arthur). T: Marcelo Chamusca

CARTÕES AMARELOS: PAY: Gualberto e Rodrigo Andrade / CEA: Tiago Alves, Ricardinho e Elton.
GOLS: Elton (12 1T); Magno (16 2T) e Arthur (32 2T).

Davi Maia |@davims

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.