Header Ads

Iguatu 2 x 1 Ceará: É preciso ter paciência

Com time alternativo, Ceará visitou o Iguatu na tarde desse domingo e saiu derrotado de campo, após abrir o marcador com o atacante Arthur, o alvinegro sofreu a virada e conheceu seu primeiro revés na temporada.
Ceará conhece sua primeira derrota na temporada. FOTO: Honório Barbosa
Um time diferente esse foi o Ceará contra o Iguatu, do goleiro ao camisa 9 ninguém havia jogado nessa temporada, em um bom primeiro tempo onde os atletas alvinegros envolveram o adversário e abriram o placar vimos o adversário conseguir o empate no ultimo lance antes do intervalo. Já na etapa complementar o futebol apresentado ficou bem aquém e o Iguatu conseguiu o seu segundo gol em cobrança de penalidade máxima.

O inicio da partida parecia que seria mais uma tarde alvinegra, com uma marcação forte o Ceará chegou com perigo aos oito minutos quando Roberto chuta forte para a defesa do goleiro do azulão. Seguindo no ataque o vovô tentou novamente aos 13 em arremate de Douglas Coutinho, mas foi ao 18 que saiu o gol alvinegro, após cruzamento de Pio, o centroavante Artur pegou bonito, de letra antes de colocar para as redes. A partida seguiu com amplo domínio do Ceará, mas aos 48 veio o castigo, em cruzamento da direita Bruno Pires não acompanhou, Renan saiu mal do gol e Adilson Canga aproveitou, era o empate do time da casa.

Na segunda etapa o Iguatu veio disposto a atacar e pressionar o alvinegro em seu campo, aos oito minutos após cobrança de escanteio, Arthur tocou a bola com a mão, pênalti marcado e convertido por Elanardo. Depois do golpe o Ceará tentou organizar suas ações ofensivas, mas sempre esbarrava na defesa adversária, enquanto o Iguatu tentava e quase chegou ao terceiro em um chute de Michel que precisou da intervenção de Renan. A unica oportunidade clara de gol do alvinegro em todo o segundo tempo só aconteceu aos 42 minutos, Leandro Canhoto bateu falta com perigo, mas esbarrou na defesa de Glebson. No mais o Iguatu soube segurar o resultado e a vitória diante o Ceará.
No segundo tempo Ceará não produziu ofensivamente. FOTO: LHP / Radio Opovo Cbn
Perder sempre é algo ruim, mas essa derrota de hoje não é nenhum fim do mundo. Precisamos ter paciência e bom senso ao analisar esse resultado do Ceará, afinal estamos falando de um time considerado reserva que fizeram seu primeiro jogo na temporada. É nítido que nosso grupo ainda irá evoluir na parte física, tática e até técnica, como o caso de Juninho que começou a treinar nessa semana e já foi para o campo.

No primeiro tempo ao meu ver jogamos bem, tivemos domínio das ações e chegamos ao nosso gol, o castigo veio no único chute do Iguatu ao gol, falhamos feio defensivamente e o atacante aproveitou. No segundo tempo a história foi outra, parece até uma ladainha, mas o físico pesou novamente, o Iguatu cresceu e conseguiu virar a partida em um pênalti que na verdade foi outro vacilo. Marcelo Chamusca fez o que pode, com opções escassas no banco, colocou quem poderia colocar em campo, mas o resultado positivo não veio.

Peço ao torcedor paciência, não é que perdemos para o Iguatu naquele campo horrível (não é desculpa, mas é fato que o campo era irregular) e com um time reserva que nosso trabalho até então merece criticas. Ainda temos muito a melhorar e essas peças que atuaram hoje principalmente, aos críticos e desesperados fica a dica: Vamos fazer uma avaliação justa desse time apenas após o quinto jogo, vamos dar tempo aos atletas estarem em boas condições de jogarem e demonstrarem o que realmente sabem.

Próximo Jogo

O Ceará voltará a campo na próxima quarta feira (24/01) contra o Floresta as 21:30 no Presidente Vargas. Para esse confronto Marcelo Chamusca terá o retorno da equipe considerada titular, esse jogo também será valido pela Taça dos Campeões Cearenses, tendo em vista que o Ceará é o atual campeão cearense e o Floresta atual campeão da Taça Fares Lopes.

FICHA TÉCNICA

IGUATU 2 X 1 CEARÁ

IGU: Gleibson, Ceará, Luis Fernando, Albano, Elvis, Michel, Dedê, Elanardo (Caio Acaraú), Otacílio Neto (Paulinho), Adilson Canga (Zé Lopes) e Otacílio Marcos. T: Roberto Carlos

CEA: Renan, Leandro Silva, Bruno Pires, Patrick, Rafael Carioca, Raul, Pio (Leandro Canhoto), Juninho, Roberto (Rafinha), Douglas Coutinho (Felipe) e Elton. T: Marcelo Chamusca

CARTÕES AMARELOS: IGU: Adilson Canga e Ceará  / CEA: Rafael Carioca e Pio

GOLS: Arthur (18 1T) Adilson Canga (48 1T) Elanardo (8 2T)

Davi Maia / @davims 




Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.