Header Ads

WWE Week: 1 e 2 de Janeiro - Royal Rumble News, Mixed Match Challenge e muito mais

O ano começou. Com isso, mais uma semana cheia de atrações no universo WWE. Vamos começar pelo Raw, no dia primeiro de janeiro.

O programa começou com Kurt Angle dando os anúncios sobre o Royal Rumble feminino, que será do mesmo formato do masculino quando foi interrompido por Sheamus e Cesaro, que queriam sua revanche pelo título das duplas, perdido na semana passada para Jason Jordan e Seth Rollins. Jordan entrou debochando da dupla e Cesaro o desafiou para uma luta. Rollins entrou somente para apoia-lo, mas disse que não acreditava na vitória do companheiro. Mesmo assim, o garoto bateu o suíço, mas não consegue aceitação do público.

WWE Photo
Jordan aplica o finalizador em Cesaro (Foto:WWE.com)
Na luta seguinte, Bray Wyatt ganhou de Apollo Crews após aplicar um sister abigail. Após a vitória, seu rival no momento, o "Woken" Matt Hardy apareceu no telão para amedronta-lo.

Em seguida, Braun Strowman novamente enfrentou a dupla Rhyno e Heath Slater. De novo, o Monstro entre Homens não teve dificuldades para bater a dupla, que de presente de ano novo, cada um levou três running powerslam para casa.

O combate agora era novamente entre Samoa Joe e Roman Reings válido pelo título Intercontinental. Dessa vez, caso perdesse por desqualificação, Roman perderia o título. Em uma luta muito disputada, o Big Dog continuou como campeão após aplicar um spear em Joe. Ele dedicou a vitória ao seu irmão de Shield Dean Ambrose, que foi gravemente machucado pelo desafiante há duas semanas.

Reigns recovers to plant Joe with an earth-shattering Spear!
Roman Reings aplica um spear em Samoa Joe (Foto:WWE.com)
Partindo para a categoria Peso-Cruzador, iríamos ter o combater entre o campeão Enzo Amore e Cedric Alexander, mas como Enzo está gripado e no hospital, essa luta não aconteceu. Ao invés disso, os membros do Zo-Train Drew Gulak e Ariya Daivari foram ao ringue para dar essa notícia quando foram surpreendidos pelo desafiante ao cinturão. Já planejando uma luta de duplas, Alexander precisava de um parceiro, foi quando Goldust entrou para fazer essa parceria. Que deu certo. Ambos saíram vitoriosos. Por incrível que pareça, o Homem de Ouro também atuou ao lado de Cedric novamente no 205 Live no dia seguinte na revanche pedida por Gulak. E eles de novo, venceram.

WWE Photo
A dupla na segunda-feira, no Raw (Foto:WWE.com)
WWE Photo
A dupla na terça-feira, no 205 Live (Foto:WWE.com)
Falando um pouco mais sobre o 205 Live, tivemos o retorno de TJP, que não aparecia há três meses. Em seu retorno, bateu Akira Tozawa.

Voltando ao Raw, tivemos um momento bem interessante, a reunião do Bullet Club, entre Finn Bálor, Karl Anderson e Luke Gallows. Foi a primeira reunião do trio na WWE. Ainda não sabe se a empresa tem planos para eles três juntos, mas foi muito comemorado pelo público.

O Bullet Club está de volta (Foto:House of Wrestling)
Eles enfrentaram Elias Samson e o Miztourage, formado por Bo Dallas e Curtis Axel. O Bullet Club saiu com a vitória e muito ovacionado pelo público na American Airlines Arena. Antes de o combate começar, Bo anunciou que na semana que vem, The Miz irá retornar ao Raw após ficar ausente nas últimas semanas por conta da gravação de um filme.

Para finalizar, tivemos a entrada de Brock Lesnar junto com Paul Heyman, seu porta voz no ginásio. Após um longo discurso, como de costume quando a Besta sobiu no ringue, os dois iam saindo quando Kane entrou e deixou um cartão de vista, um chokeslam em Lesnar, que se levantou bem rápido e do lado de fora e bem irritado, partiu para cima do Big Red Machine. Vários lutadores no vestiário entraram no local para separar e conter os dois, além dos juízes. Esse foi o fim do Raw.

Partimos agora para a cobertura do SmackDown, programa realizado no dia seguinte. O show iniciou com o campeão AJ Styles junto com o gerente geral Daniel Bryan e Shane McMahon, o comissário do SD. Ambos anunciaram que estariam no ringue junto com Kevin Owens no combate entre o The Phenomenal e Sami Zayn no evento principal da noite.

Em seguida, tivemos o duelo pelo título das duplas, onde os irmãos Usos derrotaram Chad Gable e Shelton Benjamin e se mantiveram como campeões.

Na luta seguinte, novamente o Breezango contra os Bludgeon Brothers. No meio da luta, o The Ascension, formador por Viktor e Konnor entraram para dar suporte, mas acabaram neutralizados. Viktor ainda levou um pale of justice para casa.

Depois, tivemos mais uma fase do torneio pelo cinturão dos Estados Unidos, onde Xavier Woods, do New Day enfrentou Aiden English, parceiro de Rusev. O membro do trio mais alegre da WWE teve que saltar da terceira corda e acertar uma cotovelada na barriga do seu oponente para sair com a vitória. Ele enfrentará Jinder Mahal na próxima fase.

WWE Photo
Xavier aplica um golpe em Aiden English (Foto:WWE.com)
Na semana que vem, teremos Mojo Rawley contra Zach Rider. O ganhador enfrentará Bobby Roode na outra semifinal.

Em seguida, tivemos um combate de seis mulheres. O Riott Squad, formado por Ruby Riott, Liv Morgan e Sarah Logan e o outro trio formado por Natalya, Tamina e Carmela. O combate acabou com Sarah finalizando Tamina, mas foi quando a campeã Charlotte Flair entrou e avisou que o Squad teria que pagar pelas suas ações. Ela convocou, primeiramente, Naomi. E logo depois, retornando ao SmackDown, sua amiga Becky Lynch, que esteve ausente por conta de uma gravação de um filme.

As três partiram para cima do Riott Squad, que foram neutralizadas no ringue e saíram correndo para a surra não piorar.

When the dust clears, it is the Riott Squad that heads for the hills.
A diva Becky Lynch está de volta ao SmackDown e levou o público de Orlando ao delírio (Foto:WWE.com)
O Main-Event ficou por conta da luta entre AJ e Sami Zayn com Shane, Bryan e Kevin Owens em volta do ringue. Após Owens interferir na entrada do juiz no ringue, o comissário empurrou-o e pediu para excluí-lo do combate. Foi ai que Daniel Bryan avisou, que se o canadense fosse expulso, Shane iria junto. Foi nessa confusão que Zayn aplicou um Heulluva Kick em Styles, que estava distraído e ganhou a luta, gerando mais um clima de tensão entre os dois chefes do SmackDown.

O Phenomenal pegou o microfone e disse que ele é o campeão e que enfrentaria até os dois juntos. Foi quando Daniel Bryan anunciou que no Royal Rumble, teremos AJ Styles contra Sami Zayn e Kevin Owens em uma handicap-match 2-on-1. Esse foi o fim do show.

To the amazement of all, Bryan agrres with the statement and puts WWE SJ Styles in a Handicap Match against both Owens and Zayn at Royal Rumble.
Daniel Bryan anuncia o combate no Royal Rumble (Foto:WWE.com)
Resultado de imagem para royal rumble 2018

Falando mais sobre o Royal Rumble, durante essa semana, tivemos mais três nomes confirmados no combate de 30 lutadores. Pelo Raw, tivemos Finn Bálor e no SmackDown, o ex-campeão dos Estados Unidos Baron Corbin. E por último, John Cena confirmou sua entrada no evento através de seu Twitter. Confira:


A sunny morning on the first day of 2018. Possibilities are endless, opportunities are plentiful. Time to #EarnTheDay because on January 28th, I’m entering the #RoyalRumble match and earning a chance at history @WrestleMania! #Raw

Uma das possíveis mulheres para aparecer no Royal Rumble, à alemã Jazzy Gabert não assinará com a WWE por enquanto. Estava tudo acertado entre ela e a empresa, mas nos exames médicos foi constatado que ela tinha algumas lesões. A Alpha Female irá realizar uma cirurgia para reparar tais lesões, com isso, ela está descartada para o Royal Rumble.


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.