Header Ads

Guarani/SP 2x3 Fortaleza - A virada do acesso!

O Tricolor, em uma tarde-noite emocionante venceu o Guarani de Campinas, de virada, com gols de Felipe, Gustavo e Marcinho. O treinador Rogério Ceni, levou o time a campo da seguinte forma: Marcelo Boeck; Tinga, Diego Jussani, Adalberto, Roger Carvalho e Bruno Melo; Felipe, Nenê Bonilha, Marlon e Dodô; Ederson. 

[FOTO: Letícia Martins/ Guarani FC]


Logo quando saiu a escalação do Fortaleza, vários torcedores ficaram com um pé atrás e criticavam a postura do treinador Rogério Ceni de ir com três zagueiros, e não foi por menos, logo aos 11 minutos do primeiro tempo, o time do Guarani abriu o placar, jogando um banho de água fria na proposta de jogo do Leão. Depois de ter tomando o primeiro gol, o treinador tricolor promoveu logo uma substituição, tirando o zagueiro Adalberto e colocando o Marcinho, um jogador velocista pelas pontas, já que o Tricolor se encontrava com muita lentidão para puxar o ataque e o jogador Ederson estava muito isolado na frente. O Fortaleza teve uma maior posse de bola no primeiro tempo, porém não conseguia converter em chances de gol, e acabou levando o segundo gol, aos 39 minutos, o jogador Felipe Rodrigues do Guarani chutou e o goleiro Marcelo Boeck até espalmou, mas o jogador Rafael Longuine completou para o gol, desanimando assim a torcida tricolor e fazendo com que as criticas começassem a aparecer. 

Na volta para o segundo tempo, o Rogério Ceni trocou novamente, tirou o Ederson e colocou o Gustavo, para explorar mais as bolas aéreas. E o improvável aconteceu, logo com o jogador Felipe, que sempre é muito criticado por alguns torcedores, mesmo estando fazendo boas partidas, virou titular absoluto, e demostrou para todos os torcedores que o criticam que ele é um jogador diferenciado. Aos 5 minutos, o Felipe recebeu a bola, levou-a até a grande área e chutou de longe para abrir o placar para o Fortaleza, calando os críticos. Depois desse gol, a torcida se animou e passou a jogar com o time, mesmo longe de casa. O Fortaleza passou a atacar mais, incomodando a defesa adversária,sendo mais agudo nas finalizações, deixando a torcida apreensiva. Querendo o empate, o treinador promoveu a última substituição, tirou o atleta Dodô e colocou mais um atacante de área, o Wilson. O Leão ficou mais ofensivo, tendo as melhores chances, e como se diz o ditado tricolor, se não for sofrido não é o Fortaleza e aos 41 minutos do segundo tempo, veio  o alivio tricolor, depois da confusão na área, o Gustagol - pra voltar no melhor estilo - empatou a partida. 

[FOTO: Letícia Martins/ Guarani FC] 


Porém com o Fortaleza é assim, até o final se acredita, até os 47 minutos é pra se torcer, e o mesmo personagem que deu a assistência para o gol de Cassiano, foi o mesmo que deu para o gol de desempate do Marcinho, Tinga. Aos 48 minutos do segundo tempo, o Wilson cruzou pra área, o Tinga cabeceou pro meio e o jogador Marcinho colocou para as redes, decretando a vitória pro Leão, para a alegria da nação tricolor. É meus amigos e amigas! Se alguém me dissesse a um ano atrás, que o Fortaleza estaria brigando para ser campeão da Série B, com 40 pontos, com 9 pontos de diferença do quinto colocado e com 6 pontos de vantagem do segundo colocado, eu diria que era mentira, mas merecemos tudo isso, por tudo que passamos, o Fortaleza merece tudo isso, merece voltar para o lugar dele, que é no meio dos grandes. 

FICHA TÉCNICA

Campeonato Brasileiro - SÉRIE B
Guarani FC 2x3 Fortaleza EC

Local: Estádio Brinco de Ouro - Campinas
Data: 11/08/2018
Hora: 16:30
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (FIFA - MG)
Cartões Amarelos: Ricardinho (Guarani); Adalberto e Bruno Melo (Fortaleza)
Público: 7.101
Renda: R$ 95.958,00

GUARANI

Oliveira; Kevin, Philipe Maia, Éverton Alemão e Pará; Willian Oliveira e Ricardinho; Felipe Rodrigues (Guilherme), Rafael Longuine (Marcão) e Matheus Oliveira (Fabrício); Bruno Mendes.

Técnico: Umberto Louzer

FORTALEZA

Marcelo Boeck; Tinga, Roger Carvalho, Diego Jussani, Adalberto (Marcinho) e Bruno Melo; Nenê Bonilha, Felipe, Marlon, Dodô (Wilson); Ederson (Gustavo).

Técnico: Rogério Ceni

O Fortaleza volta a jogar, no dia 18/08, às 16:30, contra o Boa Esporte, na arena castelão. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.