Header Ads

Quem não faz...

Em jogo de ataque x defesa, em uma bola, Colón sai na frente pela 2ª fase da Copa Sul-Americana

Rojas perde grande chance no primeiro tempo
(globoesporte.com)

Pela segunda fase da Copa Sul-Americana, São Paulo recebeu o Colón. Foram 15 finalizações do time paulista contra 2 do time argentino, e o placar foi de 1 a 0 para Colón.

O resultado pode até enganar, mas a partida foi ataque x defesa. São Paulo passou 90 minutos atacando enquanto o Colón, não escondeu em nenhum momento, que tinha o propósito de apenas se defender. O goleiro argentino não mostrou muita confiança e mesmo assim o São Paulo preferiu tentar lançamentos ao invés de chutes de fora da área, e claro que contra uma equipe, totalmente, retrancada, essa opção não foi uma das melhores. 

Os 15' iniciais foram todos "desperdiçados" no meio campo, com o Tricolor tentando encontrar o caminho do gol, porém perdendo todas para a defesa argentina. São Paulo chegou bem próximo do gol, inúmeras vezes. O jogo foi tão ataque x defesa, que Aguirre tirou Reinaldo para colocar Carneiro. E o Tricolor tentou, e tentou mais... E tentou de todas formas... Mas aos 34' do 2º tempo, o gol foi dos visitantes. Na segunda chegada da equipe argentina, Fritzler chutou de fora e a bola desviou em Hudson, e entra na gaveta de Jean, sem chances pro goleiro são-paulino. Depois de saírem a frente do placar, Colón decidiu de vez parar de jogar e catimbar o jogo, e infelizmente, os jogadores do São Paulo caíram nessa velha história dos argentinos... O jovem, Brenner, foi expulso ao empurrar o jogador argentino, após uma falta. O jogo ficou quente, e o placar ficou nada favorável. 

Com esse revés, São Paulo precisa ganhar por dois gols de diferença no jogo de volta (16/08), para avançar para as oitavas de final da Copa Sul-Americana. Antes disso, o Tricolor recebe o Vasco, pela 17º rodada do Campeonato Brasileiro, domingo (5/8), às 16h.
Local: Estádio Cícero Pompeu de Toledo, Morumbi - São Paulo, SP
Gols: Fritzler (COL)
Cartões amarelos: Hudson e Diego Souza (SAO);Ortiz e Javier Correa (COL)
Cartões vermelhos: Brenner (SAO)
Arbitragem:  Leodan Gonzalez (URU), auxiliado por Miguel Nevas e Carlos Barreiro (URU)

SÃO PAULO
Jean; Bruno Peres (Shaylon), Bruno Alves, Anderson Martins e Reinaldo (Carneiro); Hudson, Militão e Nenê; Rojas (Brenner), Diego Souza e Everton. Técnico: Diego Aguirre 

COLÓN 
Burián; Toledo, Godoy, Ortiz e Emanuel Oliveira; Fritzler, Escobar, Heredia (Sandoval), Estigarribia e Javier Correa (Bastía); Alan Ruiz (Bernardi). Técnico: Eduardo Domínguez

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.