Header Ads

Depois de 4 anos, Tricolor começa o ano com o pé direito!




O estreante brilha, São Paulo vira e goleia o Mirassol no primeiro jogo do Campeonato Paulista

https://pbs.twimg.com/media/DxT7YrHXgAAwcsb.jpg:large

Depois de muita espera, finalmente a temporada começou. E para abrir os trabalhos, o Tricolor recebeu o Mirassol, pelo 1º jogo do Campeonato Paulista, no Pacaembu (Morumbi está em reforma). E assim, São Paulo goleou por 4 a 1 com gol da nova estrela Tricolor, Pablo. Fazia 4 anos que o São Paulo não vencia o primeiro jogo do Paulista.

Jardine tinha à sua disposição quase todos jogadores, com exceção de Diego Souza (trabalho físico após ter dores na panturrilha esquerda), Biro Biro (aguarda questões burocráticas), Luan e Igor Gomes (Seleção sub-20), além de Hernanes que entrou no BID um dia depois do previsto e só poderá estrear na segunda rodada. O treinador também contava com Gonzalo Carneiro, mas este não apareceu no CT, receberá multa e será resolvido de forma interna. Assim, com essas exceções, Jardine apostou no mesmo time titular que utilizou nos amistosos na Flórida Cup. 

O resultado da partida não mostra o todo que foi o jogo. No 1º tempo, São Paulo teve muito problema com a saída de bola, Hudson e Jucilei - como boa parte da torcida critica - acabavam dando lentidão ao time. O primeiro gol do jogo foi do Mirassol. Aos 12', Daniel Borges cruza, Arboleda não chega na bola e ela bate em Bruno Peres, passa por Volpi e entra. Com a bola rolando, o Tricolor estava tendo muita dificuldade, a chance de empatar veio em um escanteio. Aos 28' Nenê cobrou e Anderson Martins marcou, de cabeça.

Não sabemos o que aconteceu no vestiário, mas algo aconteceu. O São Paulo voltou outro na 2ª etapa. Aos 5' virou o placar. De escanteio novamente, Reinaldo cobrou e Pablo, o estreante, marcou, colocando o Tricolor na frente do placar. Logo em seguida, Leandro Amado levou o 2º amarelo, sendo expulso. Não deu outra, no lance seguinte a expulsão, gol do Tricolor. Nenê cobrou a falta, a bola bateu no travessão e voltou, depois de uma confusão na área, Reinaldo marca o terceiro. Para fechar, Hudson, aos 20' marca o quarto, último gol do tricolor, e um golaço!

Não dá pra saber se é a sombra do Hernanes, ou ele percebeu que precisa se esforçar mais pra conquistar a torcida, mas Nenê foi um dos destaques da partida. Junto com o estreante Pablo. O segundo tempo é o que a torcida espera do São Paulo para 2019! Time ofensivo, unido e sem erros bobos. 

Na próxima rodada o Tricolor vai até Novo Horizonte, enfrentar o Novorizontino, quinta-feira (24/01), às 21h, no Estádio Jorge Ismael de Bias.
 
FICHA TÉCNICA
Local: Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho, Pacaembu - São Paulo, SP
Placar: São Paulo 4 x 1 Mirassol
Gols: Anderson Martins, Pablo, Reinaldo e Hudson (SAO); Bruno Peres (contra - MIR)
Cartões amarelos: Hudson e Helinho (SAO); Léo Baiano (MIR)
Cartões vermelhos: Leandro Amado (MIR)
Arbitragem: Leandro Bizzio Marinho, auxiliado por Daniel Luís Marques e Daniel Paulo Ziolli

SÃO PAULO
Tiago Volpi, Bruno Peres, Arboleda, Anderson Martins e Reinaldo; Jucilei, Hudson (Liziero) e Nenê. Pablo (Everton Felipe), Helinho (Brenner) e Everton. Técnico: André Jardine
 
MIRASSOL
 Matheus Aurélio, Daniel Borges, Riccieli e Leandro Amaro; Alex Ruan, Léo Baiano, Wellington Simião, Marquinho (Lelê) e Jean Carlos (Sandoval); Carlão (Yuri) e Felipe Augusto. Técnico: Moisés Eigert

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.