Header Ads

Déjà vu: O mesmo tabu, o mesmo adversário, o mesmo resultado

Nesta sexta-feira (06), o Galo recebeu o Mais Querido do Rio Grande do Norte no Estádio Rei Pelé. Por incrível que pareça, no primeiro turno o CRB entrava em campo contra o mesmo ABC, tendo em suas costas uma sequência negativa de cinco jogos que derrubou treinador e o deixou em situação desagradável. Neste turno, a demissão veio antes, mas a sequência de derrotas foi a mesma para os mesmos adversários. No primeiro turno, vitória contra o ABC e uma sequência de oito jogos sem derrotas. Hoje, vitória contra o clube Potiguar. Mas será mesmo que vamos presenciar um feito igual do primeiro turno? 

Foto: Globo

O jogo

Com toda certeza, Danilo Pires teve seu destaque na partida. Autor do gol de cabeça que colocou o Galo na frente do placar no primeiro tempo aos 25' após cruzamento de Élvis, o volante fez o gol de cabeça.
Ainda no jogo ele teve outras chances claras de gol, utilizando a cabeça na maioria. Mas o goleiro adversário estava em noite inspirada e evitou todos os gols do meia e de outros jogadores do Galo. Casos de Neto Baiano e Diego, por exemplo.
A vitória foi construída com um futebol diferente dos jogos anteriores, talvez pela presença do torcedor que acolheu a promoção de ingressos a custo baixo.
Olívio voltou a Maceió e novamente jogou seu futebol, o famoso "fino da bola". De forma impressionante, do seu jeito simples e vibrante anulou o adversário com desarmes, rebatidas e forte marcação, impedindo infiltrações e dribles em cima do mesmo, o jeito era tocar a bola para o lado ou para trás.
A partida foi razoavelmente boa para todos os atletas. Zé Carlos teve dificuldade, não conseguiu finalizar do jeito que queria quando teve oportunidade. Tony, Ratinho, Élvis e Diego fizeram uma partida excelente, apoiando no ataque, ritmando os passes e armando jogadas. Chico fez o mesmo feijão de arroz de sempre.
Neto Baiano entrou no segundo tempo e perdeu duas grandes chances. Uma cara a cara com o goleiro em que chutou em cima do mesmo e facilitou para a defesa de puro reflexo do arqueiro adversário, e em outra oportunidade que cabeceou a bola e a redonda beijou o travessão. Resultado importante, vitória magra e vida que segue.

Próximos passos

As semelhanças do primeiro turno chamam atenção. A única diferença de resultado entre o primeiro e o segundo turno foi que o Galo não repetiu o resultado da partida contra o Ceará, perdendo o jogo no Castelão.
O próximo jogo será contra o Paysandu na Curuzu na próxima sexta-feira. É esperado um empate, ao menos, ou até uma vitória para que o Galo fique livre de vez da zona. Após esta ida para Belém, o CRB volta para Maceió, onde irá enfrentar o Náutico e o Boa Esporte. Bom momento para repetir os resultados do primeiro turno.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.